UPA da Junção deve ser utilizada para o enfrentamento à pandemia da Covid-19 em Rio Grande

A Unidade de Pronto-Atendimento em construção, pelo município, no bairro Junção está com mais de 90% dos trabalhos concluídos no canteiro de obras e deverá ser utilizada para o enfrentamento à pandemia da Covid-19 em Rio Grande. Durante o dia de ontem, 6, uma comissão técnica da Secretaria de Município de Saúde (SMS) esteve no local para realizar uma avaliação.

Após a vistoria, a estratégia adotada envolve a instalação de mais três importantes frentes de trabalho no combate ao coronavírus no município. O primeiro serviço é o da implantação de um novo Centro de Triagem (para o atendimento a sintomas de intercorrências respiratórias, a exemplo da estrutura já instalada anexa ao Pronto-Socorro da Santa Casa), de um Centro de Testagem (com oferta de testes rápidos para o coronavírus) e disponibilização de 21 leitos de Retaguarda para internação de pacientes classificados de casos moderados a graves, com monitores de alta tecnologia e respiradores.

“É uma estrutura que está sendo mobilizada pelo município no sentido de dar mais essa retaguarda para a população no enfrentamento à Covid-19”, reforça o secretário de município de Saúde de Rio Grande, Maicon Lemos.

Além das frentes antes mencionadas ele acrescenta que a administração municipal também estuda instalar no entorno da UPA da Junção (provavelmente na área destinada ao estacionamento) um hospital de campanha com estrutura cuja capacidade será a de oferecer outros novos 40 leitos de Retaguarda para atender situações de urgência e emergência.

No que diz respeito à aquisição dos leitos de internação, o gestor da pasta da saúde explica que ela está sendo possível graças à atuação do Ministério Público do Trabalho (MPT), que destinou o recurso de R$ 1,5 milhão para infraestrutura em saúde no município de Rio Grande no final do mês de março. “Foi um recurso muito bem-vindo e que vai possibilitar a aceleração do processo de atendimento à população”, diz.

A perspectiva é colocar a unidade de saúde da Junção em funcionamento ainda durante o mês de abril. “Nós estamos fazendo todos os trâmites necessários para isso e a ideia é, de o mais breve possível, começar com o Centro de Triagem e, assim que chegarem a Rio Grande os testes rápidos, direcioná-los para o Centro de Testagem e, da mesma maneira, com a chegada dos leitos adquiridos viabilizar as providências para internações, de acordo com a demanda”, explica o secretário de Saúde.

Na equipe que vai atuar no atendimento da UPA da Junção estarão médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e farmacêuticos. Além dos profissionais de saúde contratados emergencialmente pelo município para o combate à pandemia da Covid-19.

Assessoria de Comunicação PMRG

Foto: Prefeitura do Rio Grande

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.