Turismo Sustentável em Comunidades Pesqueiras é Tema de Reunião Entre a Prefeitura, SDR e EMATER

Pensar ações para a promoção do turismo sustentável nas comunidades pesqueiras tradicionais de Rio Grande. Este foi o motivo de um encontro realizado hoje de manhã (17) entre a Prefeitura do Rio Grande, a Secretaria de Desenvolvimento Rural do Estado (SDR) e a unidade local da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (EMATER-RS).

A iniciativa partiu da própria Prefeitura, que enviou em dezembro um documento à SDR manifestando interesse no desenvolvimento de um programa voltado para o turismo nas Comunidades Tradicionais de Pesca do Município.

“A ideia é buscar recursos, por meio de um convênio, junto a estas instituições para a elaboração de um projeto que fomente o turismo sustentável nestas comunidades, proporcionando a geração de renda para pescadores, pescadoras e suas famílias”, explica o secretário da Pesca, Cláudio Costa.

ESPECIAL: Ilhas da Paixão

O prefeito Alexandre Lindenmeyer comemorou o feedback dado pela Secretaria ao documento enviado pelo Executivo. “Estou contente que a EMATER e a SDR deram este retorno a este nosso pleito, que busca a transformação e a melhoria das condições de renda dos nossos pescadores e pescadoras através do turismo sustentável. Faremos o que de possível estiver ao nosso alcance para dar concretude e avançar neste projeto”, completou o prefeito.

Durante a reunião, a representante da SDR, Ana Spinelli, pontuou que já existe um diagnóstico por parte da Empresa a respeito das potencialidades da Ilha da Torotama. “A turismóloga da nossa instituição já realizou um estudo técnico nessa comunidade e o material aponta quais meios e produtos podem ser empregados para qualificar o turismo espontâneo que já existe no local, como os acampamentos e a gastronomia produzida na ilha. Já temos um diagnóstico prévio. Queremos transformar a Ilha da Torotoma em um projeto-piloto e, a partir dele, estender para as outras comunidades”, disse.

A Secretaria de Turismo, Esporte e Lazer de Rio Grande, a Secretaria de Município da Pesca e a Secretaria de Município de Desenvolvimento Primário  já estão trabalhando no mapeamento de uma rota pelo interior da ilhas que pertencem ao território rio-grandino, a fim de traçar as potencialidades turísticas destes locais.

O próximo passo agora é a submissão de um projeto elaborado pela Prefeitura atendendo às especificações da SDR, adequado ao formato de convênio da Secretaria, para a captação de recursos. Na terça-feira, 23, um Grupo de Trabalho composto pelas secretarias de Turismo, da Pesca e unidade local da EMATER se reúne para dar corpo a este documento.

Participaram da reunião o prefeito Alexandre Lindenmeyer, o secretário da Pesca, Cláudio Costa, a secretária de Turismo, Surama Santos, a equipe do Departamento da Pesca na SDR, Evandro Dias, Bruna Costa, Magda Pereira e Ana Spinelli. Além da equipe da EMATER em Rio Grande, Ronaldo Maciel, Rogério Silveira e Luiza Meyer.

Assessoria de Comunicação/PMRG

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.