Prefeitura doa à União casa onde nasceu o Almirante Tamandaré

O local será revitalizado pela Marinha e transformado em Museu

O prefeito municipal do Rio Grande, Fábio Branco, participou da cerimônia de aposição floral no Panteão de Tamandaré, realizada nessa terça-feira (23), por ocasião de apresentação do Comandante do 5º Distrito Naval, Contra-Almirante Sílvio Luís dos Santos. O ato é uma homenagem ao Patrono da Marinha, o rio-grandino Joaquim Marques Lisboa, e foi realizado onde repousam seus restos mortais e de sua esposa, na sede do Comando do 5º Distrito Naval.

Na ocasião, o prefeito oficializou a doação à União da casa onde viveu o Almirante Tamandaré, por meio da Lei n° 8.714, de 10 de novembro de 2021. O documento refere-se à doação do imóvel localizado na rua Francisco Marques esquina com a rua Marechal Floriano, que será restaurado pela Marinha, com a finalidade de tornar um espaço de memória e preservação da história do Almirante.

Almirante Tamandaré

Joaquim Marques Lisboa tem uma relação direta com a cidade do Rio Grande, pois nasceu no local em que se encontra a Casa. Com intuito de preservar a memória e divulgar a história do herói nacional, o espaço será revitalizado e transformado em Museu, com a relevância dos feitos do Almirante Tamandaré e do contexto da época, uma vez que seu legado configura a história da própria Marinha, sendo ele um dos autores da Pátria Brasileira.

Estiveram presentes na cerimônia  o reitor da Furg, Danilo Giroldo, a Diretora da Esantar, Cleuza Dias, o diretor do CCMar Lauro Barcellos, e o presidente da Soamar Rio Grande, Marcelo da Silva Telles.

Assessoria de Comunicação Social – Prefeitura Municipal do Rio Grande

Foto: Richard Furtado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.