Prefeitos da Azonasul votam pela liberação de público em competições esportivas

Por maioria, com 17 votos favoráveis, os prefeitos da Associação dos Municípios da Zona Sul (Azonasul) acabam de aprovar alteração nos protocolos regionais permitindo a presença de público em jogos e competições esportivas. A alteração leva em conta a mudança das regras estabelecidas pelo governo estadual para estas atividades.

O presidente da Azonasul, Vinicius Pegoraro (MDB), prefeito de Canguçu, explica que a região adotará o mesmo protocolo obrigatório do sistema 3 As, o qual exige que o público em competições esportivas ocupe lugares exclusivamente sentados; com distanciamento mínimo de um metro entre as pessoas e/ou grupos de coabitantes; teto de ocupação de 40% das cadeiras ou similares por setor até o limite máximo de 2.500 pessoas por estádio, ginásio ou similar.

A autorização para a promoção dos eventos esportivos com público espectador deve seguir as seguintes regras: até 400 pessoas, sem necessidade de autorização; de 401 a 1.200 pessoas autorização do município sede e 1.201 a 2.500 pessoas autorizações por parte do município sede e autorização regional (aprovação de 2/3 dos municípios da Região Covid ou Gabinete de Crise da Região Covid correspondente. Acima de 2.500 pessoas não está autorizado.

“Acreditamos que a manutenção dos cuidados básicos como uso de máscara e álcool gel precisam ser observadas e fiscalizadas com rigidez. No entanto, diante do avanço da vacinação contra Covid em todas as idades, vamos conseguir flexibilizar as atividades”, disse Pegoraro.

SUGESTÃO

Os prefeitos da Azonasul devem apresentar como sugestão aos dirigentes de clubes esportivos e proprietários de quadras e ginásios que a apresentação da carteira de vacinação seja exigida na entrada dos estabelecimentos. O porte da comprovação vacinal ainda não é obrigatório na região sul, no entanto, a proposta de solicitar a apresentação tem como objetivo incentivar a população a aderir à campanha e preparar para uma possível obrigatoriedade.

Ascom Azonasul

Foto: Divulgação Azonasul

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.