Podemos ou Devemos? Ou, por vezes, os dois!

Você sabe qual a diferença entre poder e dever? Pois bem, as possibilidades estão dentro daquilo que podemos e/ou é possível que façamos tais como escolher a roupa com a qual iremos sair, dobrar para a direita ou para a esquerda e/ou mesmo algo não tão simples como escolher qual a profissão que iremos seguir. Bom, quer dizer há opções e caminhos a seguir quando essas ou esses estiverem abertos para nós, por isso não posso ser padre, pois, a princípio, por ser uma mulher, não preencho os requisitos para tanto. Já o dever é associado àquilo que temos obrigações e, dessa maneira, entramos no campo da moral e da ética. Assim, devemos seguir as regras organizadas e impostas pela sociedade e/ou lugar onde vivemos. Em vista disso, normalmente, tudo que devemos quer dizer que podemos fazer, mas nem tudo que podemos devemos fazê-lo, tal como pegar algo que não é meu, ou seja, até poderíamos nos apropriar de um objeto que não é nosso, todavia não devemos. Logo, temos de ter cuidado ao tentarmos ultrapassarmos determinados limites: será que eu posso ou devo? Ou, por vezes, os dois!

Ana Paula Emmendorfer (Professora de Filosofia e Lógica – Doutora em Filosofia/Unisinos-RS)

Foto: Pixabay

Siga no Facebook: facebook.com/logosreis/

Siga no Intagram: instagram.com/logosreis/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

nove − 3 =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.