Vacina contra o Sarampo está disponível em Rio Grande

Está em andamento, em todo o país, a Campanha da Vacinação contra o Sarampo. A proteção contra a doença é feita através da vacina Tríplice Viral, que também protege contra a Rubéola e a Caxumba. Em Rio Grande, são mais de 15 mil doses, que já estão disponíveis para a comunidade. Segundo Sheila Silveira Costa, enfermeira do Núcleo de Imunizações da Vigilância Epidemiológica, não foi estabelecida uma meta de doses a serem aplicadas e “o objetivo é vacinar de forma seletiva, avaliar a situação vacinal e proceder conforme as normas do Programa Nacional de Imunizações”. 

Veja, abaixo, quem deve se vacinar
  • Crianças de 6 a 11 meses e 29 dias (receberão uma dose zero);  
  • Crianças de 12 meses a menores de 5 anos, que não apresentarem comprovação de duas doses,  
  • Adultos de 20 a 29 anos, que não apresentarem comprovação de duas doses de vacina; 
  • Adultos de 30 a 59 anos, que não tiverem comprovação de nenhuma dose. 
Contraindicações e recomendações específicas
  • A vacinação é contraindicada para gestantes, imunodeprimidos e pessoas com histórico de anafilaxia ao ovo de galinha. 
  • Em caso de alergia branda/leve ao ovo de galinha, solicita-se avaliação e liberação médica para a vacinação. 
  • É importante informar se a criança possui alergia à proteína do leite, para que receba a vacina dos laboratórios indicados para a situação. 
Medidas de prevenção ao Coronavírus

Em função da pandemia de Coronavírus que atinge todo o país, são necessários alguns cuidados específicos para evitar a contaminação pelo vírus. Veja o que recomenda a Sociedade Brasileira de Imunizações:  

  • Escolha um local próximo de sua residência;  
  • Evite o transporte público; 
  • Faça uso de máscara mesmo que caseira – ao sair e até voltar para a casa (indicada a todas pessoas acima de 2 anos de idade); 
  • Mantenha distância de 2 metros de outras pessoas – na rua e na Unidade de Saúde;  
  • Evite tocar em superfícies e lave as mãos com água e sabão ou utilize álcool em gel 70%. 
Sobre a doença

O Sarampo é uma doença infecciosa aguda e viral, provocada pelo morbilivírus, com alta transmissibilidade e que pode atingir pessoas de qualquer idade. A transmissão ocorre de pessoa para pessoa, por meio de secreções nasais expelidas ao tossir, espirrar ou falar. Os principais sintomas são tosse, febre, manchas avermelhadas na pele, dores no corpo, coriza e conjuntivite. Também pode causar complicações como infecção nos ouvidos, pneumonia, convulsões e lesões no sistema nervoso.  

A doença foi considerada erradicada do país em 2016. Porém, o grande número de casos registrados nos últimos anos fez com que o Brasil perdesse essa certificação, o que reforça a necessidade da vacinação. Segundo dados do Boletim Epidemiológico do Ministério da Saúde, neste ano, até 27 de junho, foram confirmados 5.642 casos de sarampo em 21 estados. Há registro de cinco óbitos no país em decorrência da doença neste ano, sendo três no Pará, um no Rio de Janeiro e um em São Paulo. 

Locais de vacinação

Veja na tabela abaixo os locais disponíveis para a vacinação contra o Sarampo. No sábado, a comunidade pode procurar a vacina na unidade do Parque Marinha. Demais unidades atendem de segunda à sexta-feira. 

Assessoria de Comunicação PMRG

Foto: Divulgação

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.