Santa Casa promove primeira cirurgia de captação e doação de órgãos no ano de 2022

O procedimento foi realizado em um paciente masculino de 64 anos que teve diagnóstico de morte encefálica

Neste domingo (6) a equipe da Organização de Procura de Órgãos (OPO 5) e da Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplante (CIHDOTT) da Santa Casa do Rio Grande, em parceria com profissionais da Santa Casa de Porto Alegre, executaram o primeiro protocolo de captação e doação de órgãos da instituição no ano de 2022.

A cirurgia foi realizada em um paciente masculino de 64 anos que teve diagnóstico de morte encefálica. Foram retirados fígado e rins, os quais foram destinados a receptores ativos da fila de espera da Central de Transplantes.

Os responsáveis pela captação foram os médicos Marcelo Souto e Daniel Irigaray, com auxílio do enfermeiro Mateus Gomes (todos da Santa Casa de Porto Alegre). Também estiveram em sala a enfermeira Edilene Pinho e sua equipe do Bloco Cirúrgico da Santa Casa, as enfermeiras da CIHDOTT, Joceler Silva e Juliana Pucinelli, e a enfermeira Emmeline Maia da OPO 5. Envolveram-se no processo colaboradores da Unidade de Terapia Intensiva Geral, Bloco Cirúrgico, residentes médicos, copeiras e motoristas da instituição.

Com a captação realizada nesta semana, ao menos três (3) pessoas tiveram a oportunidade de uma nova vida. Se você tem interesse em ser doador, o momento de avisar sua família é agora, eles falarão por você quando for o momento. Dizer sim para doação de órgãos é dizer sim para vida.

Assessoria de Comunicação do Complexo Hospitalar Santa Casa do Rio Grande

Foto: Santa Casa do Rio Grande

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.