Rio Grande receberá sala para monitoramento e combate à Sífilis

O Conselho Nacional de Secretários Municipais de Saúde (CONASEMS) esteve representado pelo  secretário de Município da Saúde de Rio Grande e presidente do COSEMS SUL, Maicon Lemos, no lançamento do “Projeto de Resposta Rápida a Sífilis na Rede de Atenção”. O evento promovido pelo Ministério da Saúde , ocorreu em Brasília (DF) nesta quinta (12) e sexta-feira (13).

Na ocasião ficou acertado que Rio Grande receberá uma das 120 salas de situação e monitoramento da Sífilis que serão implantadas no Brasil. Cada estado Brasileiro irá receber em média de cinco a seis salas destas, que disponibilizarão toda tecnologia de informação e qualificação médica necessária para acompanhar os casos de sífilis no Município, e assim na busca da diminuição destes indicadores.

De acordo com o Ministério da Saúde, a partir de maio de 2018 às salas começarão a ser  disponibilizadas. O trabalho desenvolvido em Rio Grande servirá de base para outros municípios do Estado.

Assessoria de Comunicação/PMRG

Foto/Arte/Capa: Divulgação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.