Projeto Alunos Conectados disponibiliza chips com acesso à internet a estudantes da FURG

Iniciativa do Ministério da Educação auxilia estudantes em situação de desigualdade socioeconômica

A FURG, em parceria com a Rede Nacional de Pesquisa (RNP), do Ministério da Educação, desenvolve o projeto Alunos Conectados. O objetivo da ação é auxiliar estudantes em situação de vulnerabilidade socioeconômica com a disponibilização de chips com acesso à internet num momento em que as aulas e atividades universitárias ocorrem em modo remoto, por conta da pandemia.

Nesta ação, até 600 estudantes da universidade serão cadastrados. Os chips são concedidos em caráter temporário. Segundo a Pró-reitoria de Assuntos Estudantis (Prae), a ação considera a necessidade do desenvolvimento das atividades acadêmicas de forma remota durante a pandemia. Os chips complementam outros auxílios estudantis, como o Auxílio Inclusão Digital.

Segundo Maria de Fátima da Silva, diretora de Desenvolvimento do Estudante (Dides), os editais do programa em 2020 atingiram aproximadamente 350 alunos. Entretanto, o objetivo é ampliar a atuação. “A inclusão digital é uma pauta urgente e precisamos buscar garantir que todos os estudantes possam ter acesso com equidade de condições”, explica Maria de Fátima.

A diretora ainda destaca a importância da ação no combate à evasão acadêmica durante a pandemia. “Ações como essa, ainda que não consigam dar conta da complexidade da questão social como um todo, contribuem para garantir que os estudantes possam participar das aulas com mais qualidade nesse momento em que necessitamos continuar em isolamento social e potencializar as possibilidades de aprendizagem de forma remota”, complementa.

Inscrições

As inscrições podem ser realizadas até 30 de junho. Estudantes de graduação e pós-graduação de todos os campi da FURG estão aptos a participar do processo, desde que atendam aos critérios do Subprograma de Assistência Básica (SAB) do ponto de vista da desigualdade socioeconômica, ou seja, que autodeclararem renda familiar per capita, conforme diretrizes do MEC, de até um salário mínimo e meio.

Assessoria de Comunicação Social da FURG

Foto: Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × 5 =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.