MP destina recursos para duas ambulâncias, EPIs e serviço de telemedicina para Rio Grande

A partir de uma ação civil pública envolvendo questões relacionadas ao Direito do Consumidor, o Ministério Público em Rio Grande destinou R$ 460 mil para o Município e para a Santa Casa para o enfrentamento da Covid-19. Os valores servirão para a aquisição de duas ambulâncias com UTI, EPIs e para o pagamento de um serviço de telemedicina para atendimento dos cidadãos.

Prefeitura e Santa Casa de Rio Grande serão os responsáveis pelas compras, que serão comprovadas ao Ministério Público oportunamente. A destinação foi solicitada pelo MP ao Judiciário, que determinou a reversão dos valores para auxiliar no combate à pandemia na cidade.

Assessoria de Imprensa Ministério Público Estado do Rio Grande do Sul

Foto: Divulgação/Ministério Público Estado do Rio Grande do Sul

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.