Com R$ 200 mil do Estado, Rio Grande promove mutirão para zerar fila de serviços oftalmológicos na região

A secretária da Saúde, Arita Bergmann, conversou com Aldina Tavares, paciente que espera há quatro anos uma cirurgia

A secretária da Saúde, Arita Bergmann, assinou nesta segunda-feira (11), com o prefeito de Rio Grande, Fábio de Oliveira Branco, e o presidente da Santa Casa de Rio Grande, Renato Aldair Menezes da Silveira, um protocolo de intenções visando a redução das filas de espera para atendimento em cirurgias e procedimentos de oftalmologia na região.

O convênio prevê a união de esforços para a Santa Casa realizar um mutirão de consultas, exames e cirurgias oftalmológicas, beneficiando os usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) que atualmente não contam com a oferta do serviço no município.

“O município tem hoje uma demanda de 1,2 mil pessoas já diagnosticadas com catarata. Além delas, temos 3,8 mil pessoas à espera de consulta”, explicou a secretaria municipal de Saúde, Zelionara Pereira Branco, presente no evento.

Da parte do Estado, serão repassados R$ 200 mil para custear as cirurgias e parte dos serviços ambulatoriais em novembro e dezembro. Já o município ficará responsável por parte dos serviços complementares. O formato para 2022 ainda deverá ser acertado. “Foi uma parceria rápida. Em meados de agosto, o prefeito esteve na secretaria e apresentou à parceria, que foi aprovada e colocada em funcionamento”, disse ainda secretária.

Para o presidente da Santa Casa, a parceria trará um ganho de longo prazo para o município: “Vamos instalar o serviço definitivo de oftalmologia, o que é um marco importante para Rio Grande”, explicou Renato Silveira.

A assinatura do protocolo teve a presença de Aldina Tavares Rodrigues, paciente há quatro anos na fila de espera por uma cirurgia. “Ela aguarda desde 2017 e agora vai ser atendida pelo mutirão”, informou o presidente da Santa Casa.

Ascom SES RS

Foto: Divulgação/SES RS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.